Jeshua – “Mantenha a sua confiança”

Queridos amigos,

Eu sou Jeshua, seu irmão. Eu estou ao seu lado, não acima de você. Eu quero tocar seu coração, aquele lugar onde você sente que conhece. Peço que você deixe sua cabeça de lado, seus processos de pensamento e esteja presente aqui de coração.

Fazer isso não é mais natural para você, porque você é treinado para estar no mundo da perspectiva de sua cabeça: para analisar a vida, para compreender mentalmente, para ter certeza absoluta antes de fazer escolhas e tomar decisões. Sinta por um momento o quanto está acontecendo em sua cabeça enquanto você age e fala com as pessoas em sua vida cotidiana e no trabalho. Imagine, de forma concreta, quanta energia circula em volta de sua cabeça. Veja como sua mente está ativa em sua vida cotidiana. Parece que há muito o que fazer, providenciar, organizar; tantas informações e estímulos que o bombardeiam que você simplesmente não consegue absorver tudo, mas sua cabeça tenta controlar todas essas impressões.

No entanto, há outra razão pela qual não surge espontaneamente para você olhar e sentir com o coração. O coração é profundo; tem profundidades e alturas emocionais que deixam muitos de vocês apreensivos, como uma onda que os impulsiona, mas que vocês não sabem para onde. Os sentimentos são considerados “assustadores”, uma crença que você herdou de sua tradição.

Muita coisa mudou ao longo do tempo, mas ainda existe esse medo de sentimentos e emoções realmente profundos. No entanto, é apenas por meio de sentimentos e emoções profundos que você pode entrar no domínio da alma. A alma não tem “mensagens” para a cabeça. A cabeça e seus pensamentos só são necessários quando você está interagindo com o mundo exterior e há coisas que precisam ser feitas. Mas as decisões e escolhas mais profundas e subjacentes realmente ocorrem em outras dimensões. A dimensão da alma está diretamente ligada à dimensão do sentimento, o emocional, o coração.

No entanto, é preciso determinação e grande esforço para abandonar a cabeça, porque é um fardo coletivo que todos vocês carregam. Portanto, peço que volte sua atenção deliberadamente para a área do seu coração – saia da sua cabeça e vá para o seu coração. Sinta o fluxo de luz que está presente ali. Quer você saiba ou não, a luz está sempre lá. Sua alma está sempre conectada com você, mesmo que você não esteja ciente desse fato enquanto seus pensamentos estão ocupados com outras coisas. Mas você pode tomar consciência dessa conexão voltando regularmente toda a sua atenção para o coração e para todo o corpo. Seu corpo está em contato direto com seu bem-estar emocional. Como você realmente se sente? Não como você deveria se sentir, ou como você acha que deveria se sentir.

O corpo é espontâneo e autêntico. Sinta como seu corpo se sente em sua totalidade. Está tenso? Em seguida, libere a tensão. Veja se o estresse pode deslizar para fora de seus músculos. Conecte-se com a Terra: o sentimento, a Mãe amorosa que o apóia. Ela não precisa pensar, ela sabe tudo. Sinta o amor dela por você e saiba que você é bem-vindo aqui como seu filho. Sinta seus pés firmemente na Terra. Deixe a energia da Terra fluir através de você para que você relaxe ainda mais e se sinta acolhido pela dimensão do sentimento da Terra e de sua alma. Terra e alma pertencem uma à outra, mas, no passado, você foi levado a acreditar que esse não é o caso. Disseram-lhe que o céu e a terra estão separados; que a Terra é o domínio do imperfeito: desejo, sensualidade, pecado; que o céu é aquele lugar elevado onde apenas o amor e a sabedoria prevalecem. Mas essas idéias simplesmente não são verdadeiras; são ideias falsas e errôneas.

O Céu alcança a Terra na forma de sua alma que encarna aqui descendo em um corpo de carne e osso – e sua alma celestial faz isso conscientemente. Sua alma não está aqui fazendo alguma forma de penitência, ou o resultado de karma, ou para transcender o pecado. Sua alma está aqui para trazer luz para a Terra conectando o Céu com a Terra, e para experimentar como a Terra é linda: a beleza das plantas, dos animais, dos humanos. Tudo aqui está cheio de vida pela ânsia de crescimento e expressão, mas tudo isso foi condenado pela sua tradição, o que é uma grande tragédia. Quando você retorna ao seu coração como seu centro, o centro do seu ser, você está reconectando o Céu com a Terra, a alma com a Terra.

O caminho natural da alma quando encarnado pode ser visto como um caminho de alegria, de amor terreno, de autoexpressão natural, de se conectar com todos os outros seres vivos da Terra em uma grande dança. Isso é emocionante, estimulante, criativo e inovador. Toda a tradição de dogmas sufocantes, regras e disciplina é hostil à vida; nega o próprio ser da Terra e a essência de sua alma. Que essa tradição seja coisa do passado. Esteja em sua humanidade plena e siga seu coração novamente. Sinta o que está acontecendo em seu coração, bem aqui – agora.

Imagine que uma dançarina está presente em seu coração. Ela é uma mensageira de sua alma. Olhe bem para ela – ou pode não a ver muito claramente, mas sim senti-la. Deixe ela falar com você. Deixe que ela lhe diga o que deseja, o que deseja fazer, o que lhe dá uma sensação de alegria e leveza – a alegria é permitida e é boa. A inspiração sempre vem com uma sensação de alegria e leveza, e essas são energias que estão em conflito com o pensamento excessivo.

Agora quero dizer algumas coisas sobre “a noite escura da alma”. A alma encarna na Terra e entra em você como um ser humano terreno com um objetivo: manifestar-se na matéria e, assim, conhecer-se melhor, desfrutar-se, desenvolver-se e crescer. Esse é o fluxo natural da alma, sua direção natural. Mas em seu mundo, na sociedade em que você vive, existem forças contrárias em ação, aquelas que interrompem o fluxo natural de sua alma. Suas tendências naturais – o que você quer fazer, o que parece certo para você – são interrompidas no início de sua infância. Quase todas as pessoas estão perturbadas em seu senso natural de si mesmas e não podem mais detectar facilmente a verdade de seu coração. Embora agora haja muitas mudanças acontecendo e novas aberturas para a luz, ao mesmo tempo, você tem que lidar com um legado pesado do passado, então ainda há muito medo e tristeza nos corações das pessoas.

Muitos de vocês com quem falo, e que me apreciam, são aqueles que ouvem o chamado de seu coração. Aqueles que sentem claramente dentro de si: “Quero que as coisas sejam diferentes; Eu quero viver de acordo com a minha verdade; Quero ouvir o clamor da minha alma e viver de verdade ”. Essa necessidade, essa consciência, muitas vezes começa gradualmente por meio de algo que você lê, ou por algo que alguém lhe diz, ou é o resultado de alguém que o inspira. Mas à medida que essa consciência aumenta gradualmente, forças contrárias são ativadas porque você, como um ser humano terreno, absorveu a energia coletiva do passado e não pode ser de outra forma. Por meio de seus pais, sua família, sua educação – toda a cultura e seu modo de pensar – você está com um pé em uma tradição opressora pesada, que age em oposição à verdade em seu coração.

Assim que você começar a abrir espaço em sua vida para o ritmo do seu coração, a voz da sua alma, você terá que lidar com forças opostas que lhe dizem: “Não faça isso, é perigoso. Você não pode simplesmente evitar tudo; você não pode simplesmente seguir a voz do seu sentimento. Seja razoável; você precisa se adaptar mais. ” Então surgem dúvidas: medo da rejeição; medo da falta de dinheiro; medo de ser ridicularizado, de ser visto como louco. Todos esses medos surgem, em maior ou menor grau, quando você se alinha com sua alma, e isso pode se tornar uma “noite escura da alma”. O que acontece então é que as forças opostas – os medos, as dúvidas, a solidão – são tão fortes que a luz da sua alma, que primeiro o encorajou, não pode mais ser vista ou sentida.

Ao mesmo tempo, você não pode voltar ao velho caminho porque sabe que não pode mais prosperar lá, e esse conhecimento o torna profundamente infeliz. Você não pode mais retornar a relacionamentos que não podem lhe dar alegria. Você não pode mais retornar a um trabalho que não lhe convém, ou a uma situação ou estilo de vida em que morra interiormente. No entanto, você não pode seguir em frente por causa dos medos que o dominam. E este é o verdadeiro ponto de viragem para a transformação e é disso que trata a vida presente.

O novo ainda não está aqui, o poder da alma ainda não pode se manifestar claramente em sua vida, então você vacila, e pode haver várias razões para isso acontecer. Pode haver eventos externos que o colocam nesta “terra de ninguém”, neste vácuo, mas também pode ser um processo interior. Você carrega muitos sentimentos em você, e não apenas desta vida, mas também de outras vidas que você levou na Terra. Freqüentemente, você tem uma “bagagem interna” que deseja ser vista nesta vida para ser curada. Saiba que pode haver tanta coisa que vem à tona em tal fase de crise, em “uma noite escura da alma”.

Sinceramente, encorajo você a tolerar a dor, a perda ou o medo que você sente. Permaneça com isso e permaneça confiante de que é passageiro, não um ponto final; que este processo é necessário. Quando você se encontrar em um período sombrio, quando todas as certezas desaparecerem, mantenha sua confiança. Você ainda não está pronto e ainda não consegue entender por que e para onde isso leva. A porta da alma está entreaberta, mas ainda não está totalmente aberta. Peço a você que, apesar disso, confie na luz da própria vida. O universo, o cosmos, é um todo amoroso; não quer punir ou machucar você. Não há benefício na punição ou dor em si. Surge a dor, surge o sofrimento, porque você não confia em um futuro melhor, na luz que te conduz e quer brilhar.

Freqüentemente, você olha com saudade para o passado e, quando está desesperado, deseja retornar a segurança que já teve, mas que não existe mais. Você está realmente a caminho de algo novo, algo que ainda não conhece ou reconhece. Sua alma o atraiu; seu coração o deixou saber que é bom viajar pelo caminho do novo. No entanto, quando você tem que lidar com forças opostas, pode ser muito paralisante e assustador.

Peço-lhe agora mesmo que convide sua criança interior a vir até você, aquela parte de você que representa o espontâneo e o instintivo. É a parte mais vulnerável de você. É uma criança em muitos aspectos porque é indefesa e incapaz de cuidar de si mesma neste mundo. Ainda é pequena, mas ao mesmo tempo tem uma força tremenda naquela criança, porque permanece perto de sua alma, como um bebê recém-nascido que está perto do reino de onde veio. Convide esta criança para ir com você ao seu coração.

Veja sua criança interior diante de você. Veja-se como aquela criança ou como qualquer imagem que vier à mente. Veja se essa criança tem medo de alguma coisa ou precisa de consolo. Lembre-se de que se você quiser tentar algo novo, se realmente quiser mudar sua vida, fazer isso o torna vulnerável de uma forma muito humana. E é muito humano não querer desistir do que te faz sentir seguro. A criança em você pode se sentir deslocada e confusa, então estenda sua mão para ela. Sinta o grande poder que habita em você. Você é capaz de prosseguir no caminho de sua alma, seu “eu”, com as experiências terrenas que você adquiriu. Esta criança da Terra é capaz de seguir sua alma.

E se você sente que a conexão com a sua alma, com a fonte de sabedoria em sua vida, lhe escapa, então invoque sua própria força, quem você realmente é. Acredite em si mesmo e entregue-se às forças da Terra e do universo. Mesmo que você sinta que está “cego” e não consegue ver o caminho à sua frente, mantenha sua confiança interior. Não entre na sua cabeça, porque não é de onde virão as soluções. Os pensamentos geralmente geram mais medo, então encontre aquele espaço tranquilo em seu coração.

Por fim, gostaria de pedir a todos que aqui estão, apenas para estarem presentes na área de seus corações e em silêncio. E então sentir que estamos em um campo unido. Em seu coração, você sabe que está conectado com todos os outros corações, que não há separação. A cabeça se separa, mas o coração se conecta. Sinta o campo de luz branca e curativa que nos conecta. Seja confortado e seja visto; você é um filho do Cosmos. A oportunidade de ser você mesmo lhe é generosamente dada, para se desenvolver e se divertir ao máximo. Tenha prazer em ser quem você é!

Obrigado pela sua atenção.

Canal: Pamela Kribbe
Fonte: http://www.jeshua.net/por/
Tradução: Flávia Grimaldi / Sementes Das Estrelas

REPOST: http://www.sementesdasestrelas.com.br

Deixe uma resposta